Meus presentes de aniversário

No dia do meu aniversário, 2 de maio, ganhei vários presentes muito especiais. Da concunhada, da sogra (um churrasco, com direito a bolo, velinhas e cerveja), do namorado (que ainda está para chegar), de amigos paulistas - entre eles, o do Fachini: 57 figurinhas que eu não tinha, e que ele tinha repetidas - e mensagens telefônicas, virtuais e via sms que me deixaram pra lá de feliz.

Mas não acabou por aí. Ainda fui presenteada com algo que não é físico nem palpável. Mas que foi pra lá de especial: Grêmio, Campeão Gaúcho 2010. Há! Que felicidade! Apesar de já presumir a vitória do Tricolor amado, depois daquele feliz 2 a 0 no Beira-Rio, a apreensão foi grande longe das terras gaúchas - não de tããão longe, afinal, Campinas é logo ali, basta atravessar dois estados em 1h e meia de avião -, mas é distante o suficiente pra não ter disponível a transmissão do 381. Grenal na tevê.

A solução foi acompanhar a Rádio Gaúcha pela internet. Nada tão ruim assim. Mas eu, desacostumada a essa mídia na hora dos jogos, quase infartei. Apesar de ter escutado muito mais ataques do Grêmio, parecia que a qualquer minuto o Colorado ia ampliar o 1 a 0. E o medo dos pênaltis? Que sufuco. E que alívio depois dos 90 e pouco minutos de apreensão. Enfim, meu aniversário estava completo.

Abaixo, foto da comemoração na casa do Fernando, com ele e minha sogra,

Oito Gremistas e nenhum colorado na seleção do Gauchão

Esta notícia é mais uma prova de quem é o campeão Gaúcho 2010 e porque o é. Sem mais palavras, o resultado que elegeu a Seleção do Campeonato Gaúcho desse ano (da qual eu já havia falado), votados pelos internautas no site da Federação Gaúcha de Futebol depois de indicados pela imprensa e representantes dos clubes, fala por si só. Veja:


Goleiro : Victor (Grêmio) 

Lateral-direito: Edílson (Grêmio)

Zagueiros: Mário Fernandes (Grêmio) e Rodrigo (Grêmio)

Lateral-esquerdo: Paulinho (Novo Hamburgo)

Volantes: Adílson (Grêmio) e Itaqui (Caxias)

Meias: Guilherme (São José)  e Douglas (Grêmio)

Atacantes: Jonas (Grêmio) e Borges (Grêmio)

Dirigente: Carlos Duarte (Novo Hamburgo)

Craque: Marcelo Costa (Caxias)

Revelação: Maylson (Grêmio)

Goleador: Jéferson (São José)

Árbitro: Leandro Vuaden

Assistente: Tatiana Freitas


Foto dos vencedores, via ClicEsportes

Pesquisar neste blog

Total de visitantes

Seguidores

Tem alguém aqui?

De onde vocês são?

Archivo del blog